O Pinhão

Todos os anos, quando o tempo começa a esfriar, já me dá água na boca de vontade de pinhão! E não demora muito, as pinhas carregadas, começam a se “espatifar” […]

Todos os anos, quando o tempo começa a esfriar, já me dá água na boca de vontade de pinhão! E não demora muito, as pinhas carregadas, começam a se “espatifar” no chão! Lá vamos nós pegando os pinhões um por um.. Se não temos sacola para ir colocando, fazemos uma bolsa com a blusa mesmo! Não podemos perder a chance de pegar, senão logo já chegam outros fãs dessa semente da Araucária, e começa o corre corre para pegar tudo! 

Para preparar o pinhão, o jeito mais tradicional de fazer é cozinhando na panela de pressão, mas também tem um jeito “rústico” que fica maravilhoso, assando na própria garra! Não tenho muita prática na cozinha, mas como uma boa jordanense, essa receita posso até ensinar:

•Enquanto for pegando pinhão no quintal, já aproveite para pegar algumas garras secas;

•Escolha um lugar seguro e apropriado para fazer um fogueira;

•Intercale no chão uma camada de garra e uma camada de pinhão, repetindo até umas 3 ou 4 camadas de cada, terminando com garra;

•Coloque fogo nas garras;

•Espere o fogo apagar sozinho e os pinhões estarão prontos!

A casca dele fica pretinha, parecendo carvão. Para descascar, é só ir quebrando a casca até chegar no pinhão, que estará maravilhoso, meio “al dente”. Humm! 

Em casa, costumamos usar a imaginação para aproveitar o máximo possível e não enjoar, então fazemos varias receitas usando pinhão: farofa, quibe (sem carne), risoto, bolo, refogado na manteiga com cebolinha, recheio de massas… e se quiser ter pinhão o resto do ano, basta cozinhar, descascar e congelar em porções! 

Abaixo, pegamos no Instagram do Restaurante Alquimia, os benefícios para saúde vindos dessa semente tão gostosa:

•Rico em gorduras monoinsaturadas acabam auxiliando na redução do colesterol;

•Excelente para dietas de emagrecimento pois é considerado um carboidrato de baixo índice glicêmico;

•Possui ácido pinoleico, essa substância estimula a liberação de hormônios que inibem o apetite;

•Auxilia na função intestinal pois é rico em fibras;

•Contém luteína um antioxidante importante que age prevenindo as doenças oculares como degeneração macular e catarata;

•O pinhão possui em sua composição  zinco, magnésio e vitaminas do complexo B. Além de possuir quantidades excelentes de proteína vegetal sendo uma boa opção para veganos e vegetarianos! 

Muita saúde caindo de nossas Araucárias! Aproveitem!

Blog Castelfranchi

Nosso blog é para turistas e jordanenses. Vamos mostrar o que de melhor nossa cidade oferece, contando experiências reais e atuais! Esse é o espaço no qual o Guia e seus leitores ganham voz com relatos e experiências verdadeiras vividas em Campos do Jordão e região. Com a experiência de 30 anos vivendo e promovendo o melhor da estância, temos muitos pitacos para trocarmos com os frequentadores da cidade e também entre nós, moradores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *